Carregando...

  • Home
  • Notícias
  • Luz à noite: a importância da iluminação de qualidade e a sua preservação noturna

Luz à noite: a importância da iluminação de qualidade e a sua preservação noturna

Luz à noite: a importância da iluminação de qualidade e a sua preservação noturna

Já há algum tempo o uso da luz à noite em áreas urbanas tem gerado estudos e discussões que buscam o seu aperfeiçoamento em várias partes do mundo. Para a Abilux – Associação Brasileira da Indústria de Iluminação esta é uma questão muito importante. Para a Entidade e seus associados, neste caso, algumas questões devem ser consideradas: a qualidade de vida das pessoas que se estende cada vez mais por 24 horas e os ambientes naturais que não devem ter seus processos biológicos impactados de maneira a limitar a capacidade de se estudar o cosmos e a observação das estrelas.

 

Existem normas técnicas de aplicação com recomendações para iluminação de exteriores como as mencionadas pela GLA - Global Lighting Association em um dos seus documentos mais recente: “Luz à noite: a importância da iluminação de qualidade e da preservação noturna”.

 

São normas técnicas que quando aplicadas corretamente garantem segurança nas vias e espaços públicos, nas áreas de trabalho para os que atuam entre o pôr e o nascer do sol como os que estão nos serviços de emergência, para trabalhadores e estudantes que retornam tarde da noite às suas residências, para motoristas entre outras tantas situações sem que os ambientes naturais sejam negativamente influenciados. Iluminação externa de baixa qualidade, especificada ou instalada  incorretamente pode prejudicar a preservação noturna e desperdiçar energia.

 

Para uma iluminação externa de alta qualidade deve haver responsabilidade conjunta entre  os lighting designers, arquitetos, engenheiros eletricistas, indústria, especificadores e instaladores. 

 

Recomendações:

 

1. Faça um projeto de iluminação adequado

a. Selecione as fontes de luz adequadas, tendo uma perspectiva mais ampla além do custo inicial e da eficiência energética.

b. Inclua requisitos para áreas especiais onde aplicável.

c. Utilize normas de aplicação de iluminação externa relevantes evitando luz excessiva.

 

2. Use controles de iluminação de boa qualidade

a. Use sensores e controles sempre que possível.

b. Use iluminação conectada para gerenciamento e manutenção de luz.

 

3. Use luz apenas onde necessário

a. Use proteção e aponte o facho de luz para onde for necessário para evitar difusão de luz e luz invasiva.

b. Use luminária com óptica adequada para limitar o brilho.

 

4. Use luz apenas quando necessário

a. Use luz elétrica entre o pôr do sol e o nascer do sol consistente com a atividade noturna humana.

            b. Dimerize ou apague a iluminação elétrica quando desnecessária.

 

Clique aqui para acessar a íntegra do documento da Global Lighting Association.

 

 

Informações para a Imprensa:

Senatore Assessoria de Comunicação

Ana Maria Senatore

ana@senatorecomunicacao.com

11 9 8289-3680

voltar